As Armas do Odisseia

17 de March de 2017

 

A partir de dia 3 de abril, o Odisseia reúne toda a artilharia no especial de programação “As Armas do Odisseia”, uma seleção de 23 documentários que transportam o espectador até ao passado, presente e futuro da tecnologia de guerra, de segunda a quinta-feira, pelas 22h00

Este especial começa com a exibição da série documental de cinco episódios “Comboios da Grande Guerra”, conduzida por Michael Portillo, apresentador e antigo membro do parlamento britânico, que convida os espectadores a viajar pelo Reino Unido e pelo norte da Europa para descobrir como as linhas férreas transformaram a disputa numa guerra mecanizada, moldaram a forma como se desenvolveu, transportaram milhões de soldados para as trincheiras e testemunharam o seu fim.

Outra das sugestões deste especial é “A Rainhas Guerreiras Samurais”, um documentário dramatizado que conta a história de Takeko Nakano e o seu apaixonante papel no mundo das guerreiras femininas do Japão.

A apaixonante história secreta de “V2: O Missil Nazi” recorre a recreações dramáticas, arquivos inéditos e entrevistas exclusivas para descrever a arma mais valiosa e destrutiva de Hitler.

Com a ajuda de especialistas, imagens 3D geradas por computador e recriações dramáticas, “A Cidade Perdida dos Gladiadores”, mostra de forma excecional como era a vida dos gladiadores do Império Romano, os melhores desportistas da sua época.

“Fábrica de Combate” é uma série documental composta por catorze documentários sobre as fábricas militares mais secretas do mundo, onde as matérias-primas mais simples se transformam em produtos bélicos de alta tecnologia, do pequeno parafuso de uma metralhadora ao maior navio de guerra do mundo.

O presidente dos Estados Unidos na América não se faz transportar em carros normais. “Carro blindado: A Besta Presidencial” mostra que as personalidades mais influentes do mundo sabem que a diferença entre a vida e a morte pode estar na força dos seus carros.