Odisseia

Odisseia revela profundezas do oceano em série da BBC “Atlântico Norte”

07 Junho 2024

Série vencedora do Grande Prémio nos Festivais de Cinema Subaquático de Belgrado e da Vida Selvagem de Roterdão com banda sonora original da RTÉ Concert Orchestra

Para assinalar o Dia Mundial dos Oceanos comemorado a 8 de Junho, o Canal Odisseia estreia a 9 de junho, pelas 16h00, “Atlântico Norte”, uma minissérie de três episódios com a chancela da BBC que promete deslumbrar os espectadores graças a imagens fascinantes das profundezas das águas da costa irlandesa, acompanhadas da banda sonora original a cargo da RTÉ Concert Orchestra, a principal orquestra sinfónica da Irlanda.

Vencedora do Grande Prémio no Festival de Cinema Subaquático de Belgrado e no Festival de Cinema da Vida Selvagem de Roterdão, esta ambiciosa série, produzida em 2023, destaca as icónicas criaturas marinhas do Atlântico Norte, filmadas pelo operador de câmara subaquático Ken O’Sullivan, levando o espetador até ao surpreendente mundo da vida marinha e alertando para a necessidade de conservar estas espantosas formas de vida.

No primeiro episódio, para ver 9 de junho, pelas 16h00, Ken O’Sullivan explora as águas a norte da Irlanda no inverno, enfrentando as tremendas tempestades das altas latitudes. Conheceremos como funciona o ecossistema marinho, veremos um grupo de baleias-anãs a alimentarem-se de cardumes de petinga com golfinhos e aves, e assistiremos a uma cena mágica de pássaros a voar e a bailar debaixo de água.

No domingo seguinte, a 16 de junho, conheceremos a baleia-comum, um animal extremamente enigmático, sendo a segunda maior criatura que alguma vez viveu. Vêm até às águas costeiras do Atlântico Norte para se alimentarem, e, no entanto, quase nada sabemos sobre elas. Ken mergulha na costa sul da Irlanda para as ver alimentarem-se, a fim de identificar indivíduos e tentar localizá-los noutras zonas do Atlântico, documentando as suas rotas de migração para compreendermos melhor estes gigantes.

A 23 de junho, pelas 16h00, conheceremos não só a fertilidade destas águas, mas também os danos que temos causado ao ecossistema marinho. Veremos como os “monstros” que apavoravam os nossos antepassados seriam provavelmente enormes baleias, que demonstrámos serem, na realidade, criaturas nervosas e extremamente desconfiadas dos humanos e cuja espécie se encontra em grandes apuros.

Compartilhar

     

NOTÍCIAS RELACIONADAS

16 Maio 2024

Odisseia estreia em exclusivo “[R] Reciclagem em Portugal”

LER NOTÍCIAS
03 Maio 2024

Odisseia estreia em exclusivo as melhores séries da BBC

LER NOTÍCIAS
18 Março 2024

Odisseia dedica programação de abril a celebrar o planeta

LER NOTÍCIAS